Unlimited Plugins, WordPress themes, videos & courses! Unlimited asset downloads! From $16.50/m
Advertisement
  1. Code
  2. Gender

Trabalhar para Acabar com o Fosso Entre Géneros na Tecnologia, Engenharia e Programação

by
Length:MediumLanguages:

Portuguese (Português) translation by Eloisa Valdes (you can also view the original English article)

Nunca o termo "desenvolvedor" foi tão amplamente utilizado para descrever o que fazemos para ganhar a vida. Alguns de nós somos desenvolvedores da web enquanto outros são desenvolvedores de front-end. Alguns de nós somos desenvolvedores de iOS, Android, administradores de bases de dados, desenvolvedores de sistemas, e por aí fora.

Independentemente do que fazes quando se trata de desenvolvimento - isto é, independentemente do que constróis no teu dia-a-dia - uma das melhores coisas de se estar envolvido na indústria do desenvolvimento é a capacidade de fornecer soluções aos outros enquanto usamos várias formas de tecnologia para tal.

Mas como uma indústria, o que é suposto fazermos sempre que ocorrem problemas que existem num nível social versus um nível técnico? Isto é, quando identificamos problemas que existem na nossa indústria, não seremos nós obrigados a fornecer iniciativas que ajudem a resolvê-los?

Heather Brunner, CEO da WP Engine disse isto numa peça recente pelo Huffington Post:

"Estamos num ponto de viragem para as mulheres na tecnologia. A nossa visão e missão é representar as pessoas por trás desses negócios de modo a que a sua paixão e propósitos sejam claros. Não interessa em que empresa estás, se estiveres inspirado, certo do que representas, interessado em conectar tecnologias de modo a resolver problemas, farás muito mais do que os requerimentos do emprego para o qual foste inicialmente contratado."

Claramente, um dos maiores problemas com que a nossa indústria se depara hoje é a falta de diversidade. Mais especificamente, a nossa indústria tem um grande fosso entre géneros, de tal modo que a maior parte dos desenvolvedores são homens.

E devíamos trabalhar activamente para mudar isso. A boa notícia é que estamos.

Assim, num esforço para fechar o fosso que existe neste momento entre homens e mulheres na indústria, pensámos que seria uma boa ideia partilhar alguns recursos e iniciativas que existem actualmente para ajudar a fechar esse fosso no nosso espaço.

Recursos

Que fique claro que os recursos que compilámos têm o intuito de serem neutros em termos de género - ou seja, não nos focámos especificamente em algo, como por exemplo, Ruby ou Python, Wordpress ou Drupal, .NET ou Mono, iOS ou Android. Claro, alguns dos recursos serão específicos relativamente a alguma linguagem, mas a intenção é partilhar o que está disponível neste momento.

No entanto, por mais que tenhamos mantido o conteúdo partilhado o mais internacional possível, há muito que vem dos Estados Unidos (honestamente, isto tem mais a ver, em parte, com onde vivo, e em parte com a minha própria experiência com o fosso entre géneros no meu país). Para esse fim, adorava ter os vossos comentários e recursos adicionais linkados nos comentários, mas falarei disso mais tarde no artigo.

Seja como for, esta colecção ambiciona oferecer uma variedade de recursos aplicáveis aos campos em que estamos todos envolvidos. Sem alguma ordem em particular, vejam alguns dos recursos que compilámos.

Orientado a Mulheres

Todos os recursos que se seguem têm como foco específico ajudar mulheres a encontrarem o seu trabalho ideal. No entanto a maioria foca-se em mulheres em engenharia e tecnologia.

Power To Fly 

Power To Fly
Power To Fly é uma organização dirigida às mulheres cujo objectivo é colocá-las em trabalhos que coincidem com o que funciona melhor para elas. Embora não seja limitado à programação, inclui programação e engenharia.

Hackbright Academy

Hackbright Academy
Hackbright Academy é uma escola de engenharia em São Francisco focada em mulheres que fornece a educação necessária para se "tornar uma engenheira de software em 10 semanas".

Rails Girls

Rails Girls

Rails Girls ambiciona dar recursos e habilitar as mulheres a tomar partido da tecnologia para trazer vida às suas ideias. Fundamentalmente, visam educar as mulheres através do processo de "esboço, protótipo, programação básica" entre outros, de modo a trazê-las para o mundo da programação.

Geek Girl

Geek Girl
Geek Girl é uma organização focada em mulheres da educação - quer estejam num nível inicial, intermédio ou avançado - que queiram envolver-se com a tecnologia. Apresentam convívios, jantares, bootcamps, e por aí fora. Se és uma mulher já envolvida na tecnologia, então podes voluntariar-te para ajudar a participar num dos eventos acima mencionados.

Austin Women in Technology

Austin Women in Technology

Austin Women in Technology é uma organização sem fins lucrativos baseada no Texas que está a trabalhar para encorajar e armar mulheres com as ferramentas necessárias para o sucesso no sector da tecnologia.

Orientado a Jovens Adultas

Girls Who Code

Girls Who Code

Girls Who Code foca-se em fechar o fosso entre géneros que existe na indústria tecnológica. Trabalham especificamente com estudantes do ensino secundário para as ensinar e equipar com os recursos para se envolverem com a informática.

CodeEd

Code Ed
CodeEd foca-se especificamente no tópico da ciência da computação ensinando-a a raparigas da escola secundária que se encontram em comunidades carenciadas.

App Camp For Girls

App Camp For Girls

App Camp For Girls almeja criar um ambiente onde as raparigas podem utilizar os seus talentos criativos para desenhar e construir aplicações. Adicionalmente, terão a oportunidade de aprender mais sobre o negócio do software através de outras mulheres bem sucedidas no mesmo.

Orientado a Crianças

A próxima área que precisa de atenção em termos de fechar o fosso entre as ciências é focarmo-nos não apenas nas nossas crianças, mas também nas que vivem em zonas carenciadas.

Kodable

Kodable

Kodable fornece um currículo escolar para ensinar crianças da escola primária uma introdução à programação desde o início e fá-lo em apenas 20 minutos por semana.

Iridescent

Iridescent

Iridescent, tal como Kodable, ambiciona ajudar crianças a iniciar-se no campo das engenharias, mas foca-se principalmente naquelas que vivem em áreas carenciadas.

Hello Ruby

Hello Ruby

Hello Ruby é um livro para crianças entre os cinco e oito anos que estão interessadas em aprender programação. Utiliza a linguagem Ruby (e uma personagem chamada adequadamente de Ruby) de modo a ensinar conceitos básicos através de leitura e ilustrações. Também podes ler uma entrevista com a autora do livro no TechCrunch.

Code.org

Codeorg

Em 2013, Code.org lançou uma campanha online enorme que usou tecnólogos conhecidos para explicar e apoiar a ideia de que "toda a gente devia aprender a programar".

À medida que a resposta aumentou, também o site e os esforços atrás do mesmo cresceram, de tal modo que hoje temos estudantes, educadores e apologistas pelos Estados Unidos inteiros (e mesmo no estrangeiro) a ajudar a implementar a educação.

Oficialmente, Code.org é uma organização sem fins lucrativos com o objectivo de "[expandir] a participação na ciência da computação ao torná-la disponível em mais escolas, aumentando a participação das mulheres e estudantes de cor subrepresentados".  É um programa fantástico que tem recursos disponíveis online que são capazes de ajudar a começar a educar outras pessoas através do país (e, espera-se, do mundo) sobre como escrever código.

Artigos e Outras Leituras

Além das organizações e iniciativas acima listadas também existem alguns artigos interessantes que valem a pena ler. Se não fôr por outra razão, pelo menos para nos educarmos sobre a situação do problema, algumas potenciais soluções, e o que está disponível para quem está neste momento à procura de entrar em engenharia, seja para si, para as suas filhas, amizades, etc.

Conclusão

A compilação dos recursos neste artigo não foi um trabalho individual, por isso gostava de agradecer a quem contribuiu com links, artigos e recursos para ajudar a enquadrar algum do conteúdo. Por respeito a quem partilhou algum do conteúdo estou a optar por não nomear essas pessoas, mediante seu pedido.

Enfim, infelizmente, isto não é um problema que possa ser resolvido a curto-prazo, mas através de iniciativas pró-activas e de uma variedade de recursos. É algo que, certamente, podemos melhorar.

Além disso, os recursos acima listados são apenas uma amostra do que está disponível. É difícil apanhar todas a opções, grupos e recursos que estão activos na nossa indústria, portanto além de seguirem o que foi fornecido acima, por favor sintam-se à vontade para incluirem os vossos links e recursos nos comentários em baixo.

No fim de contas, esta é uma questão que afecta a nossa indústria como um todo, por isso é algo que todos podemos ajudar a resolver trabalhando juntos.

Seja o primeiro a saber sobre novas traduções–siga @tutsplus_pt no Twitter!

Advertisement
Advertisement
Advertisement
Advertisement
Looking for something to help kick start your next project?
Envato Market has a range of items for sale to help get you started.